Solar histórico

urbano

No centro antigo de Évora, desenhámos este jardim para um solar histórico recuperado pelo arquitecto Pedro Campos Costa. Desenvolvemos uma linguagem que ora sublinha e tira partido do potencial histórico do espaço, reforçando o diálogo deste com o edificado, ora o adapta a novos usos. Destacam-se um banco em granito da região e um elemento de água em mármore de Estremoz que desenhámos para enriquecer este lugar antigo e único.

localização: Évora, centro histórico  I  arquitectura paisagista: Andrea Morgenstern